( 1) A organização incentiva o intra-empreendedorismo, fornecendo tempo e recursos humanos, tecnológicos e financeiros necessários para colaboradores que desejam desenvolver soluções/projetos inovadores?

( 2) A organização tem uma missão e visão voltadas para a inovação?

( 3) A organização tem um sistema de geração e avaliação de idéias para inovações?

Um sistema formal de geração e avaliação de idéias analisa o valor agregado de determinada ideia, seu alinhamento as estratégias da organização os riscos em seu desenvolvimento e implementação, avaliando os ambientes interno e externo organizacional e os recursos necessários para seu desenvolvimento.

( 4) A organização promove o empowerment delegando poder decisório, autonomia e responsabilidade aos funcionários/colaboradores em todos os níveis organizacionais para a resolução de problemas e criação de inovações?

( 5) Os gestores e líderes estão familiarizados com as diferentes estratégias, metodologias e modelos de gestão da inovação?

ex: estratégia de Oceano Azul, inovação de disrupção, Design Thinking, metodologias lean ou enxutas para startups e de aceleração de negócios, stage-gate etc.

( 6) A partir da análise do micro e macro ambiente, a organização cria novas oportunidades de negócios em resposta à mudanças no mercado?

( 7) A organização realiza reuniões informais, sessões de brainstorming e/ou emprega outras técnicas de criatividade para a solução de problemas e identificação de novas oportunidades de negócios?

( 8) A organização promove uma cultura organizacional voltada para a inovação?

A cultura organizacional voltada para a inovação promove um ambiente de trabalho que estimula o acesso, compartilhamento, disseminação e criação de conhecimentos, o pensamento inovador, o aprendizado e aprimoramento contínuo, o espaço para a experimentação e criatividade na solução de problemas, a empatia, confiança mútua, solicitude, autonomia e participação ativa, a aceitação de erros e fracassos e o questionamento do status quo.

( 9) A organização promove o comportamento empreendedor e inovador em suas diversas unidades/áreas/departamentos?

O comportamento empreendedor inovador contempla as seguintes características: espírito empreendedor, propensão para a experimentação, tolerância à erros, frustração e adversidades, proatividade, disposição para compartilhar conhecimentos, capacidade de identificar problemas, pensar criativamente e implementar novas soluções, gerenciar riscos, conflitos e mudanças, capacidade de trabalhar em equipes multifuncionais e multiculturais, comunicação assertiva e networking, aprendizagem rápida, busca do autodesenvolvimento.

( 10) Os gestores e líderes identificam os colaboradores que possuem um perfil empreendedor e inovador, e os estimulam a adotar práticas que fomentam a capacidade inovadora da organização?

Algumas práticas que fomentam a capacidade inovadora são o compartilhamento do conhecimento, registro de boas práticas e lições aprendidas, o empowerment, networking interno e externo, a participação em comunidades de prática, o autodesenvolvimento e a aprendizagem contínua ao nível individual e de equipe.

( 11) A organização identifica e monitora seus clientes, usuários, fornecedores, distribuidores, concorrentes e parceiros para acompanhar o desenvolvimento de inovações em suas áreas de negócios?

( 12) Os gestores e líderes criam uma visão sistêmica da organização e seus negócios que estimula o envolvimento de colaboradores diretos e indiretos nos processos de solução de problemas e inovação?

( 13) A organização tem uma estratégia corporativa, comercial e/ou operacional com foco na inovação?